sexta-feira, 1 de julho de 2016

julho

 Carla Nazareth ilustrações

quarta-feira, 22 de junho de 2016

caracol?!

- mamã, MAMÃ.. hoje temos as duas totós, mas eu tenho um rabo de cavalo, e tu tens um caracol!

terça-feira, 21 de junho de 2016

"Estou aqui!"

finalmente ontem fui buscar as duas pulseiras "Estou Aqui" (programa PSP). já tinha feito o pedido e já tinha passado pela esquadra para levantar, mas como só consigo passar ao fim do dia, já não havia.

[já agora, sabiam que...
- nesta altura, as esquadras recebem diariamente pulseiras mas ao fim do dia já esgotaram?
- sábados e domingos não recebem,
- só quem pede as pulseiras pela NET as pode ir buscar, por isso mais vale fazerem o pedido por quem tem mais disponibilidade.]

ainda há muito desconhecimento sobre as pulseiras, mas é impressionante o espírito crítico e negativo da nossa cultura. quando me perguntam o que é, e explico para que serve, ouço logo:
- mas se levarem a criança por mal cortam logo a pulseira.

pois claro! mas apesar de infelizmente todos os dias serem raptadas crianças, também todos os dias muito mais crianças se perdem, nem que seja por uns instantes. eu preferia que não houvesse necessidade de alguém se ter lembrado das pulseiras, preferia viver noutro mundo.. mas sendo uma impossibilidade, prefiro ir buscar as pulseiras, achar giro os manos estarem com pulseira a fazer pandam, e sem pensar muito nisso!

domingo, 19 de junho de 2016

fazer coisas (muitas)

o poderoso poder que tem, dentro de mim, em dois dias, arrumar e limpar a casa, com o todo o chão incluído, fazer comida, brincar no parque, ler uma história diferente (com vozes e tudo), ir a um workshop de música, estender e apanhar várias máquinas de roupa, dar jantares e passar a ferro.. sempre acompanhada pelos Bichinhos e a ver pouco o marido.

quarta-feira, 15 de junho de 2016

sobre número de filhos

"one is one, two is twenty"

tenho dito.

segunda-feira, 6 de junho de 2016

o sol na barriga

quando estão várias pessoas à minha volta a cumprimentarem-se apenas com um beijo numa das faces, sei perfeitamente que não estou no meu ambiente. na certeza de que não quero fugir, a minha vontade passa muito por querer aproximar-me dos pequenotes que por aqui salpicam e esconder-me ao entretê-los.

em apresentação do livro "a minha mãe tem o sol na barriga" e debate "um novo irmão- como gerir os ciúmes"

quarta-feira, 1 de junho de 2016

junho

Carla Nazareth ilustrações

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails